Translate

Planos de Treino online - Corrida, Trail Running, Fitness e Perder peso

Planos de Treino de Trail Running - Corrida online

Planos de Treino Online Todos nós temos imenso potencial dentro de nós mas, por vezes, não recorremos aos melhores métodos, para o ...

Horário Aulas e Corridas 2017/2018

Horário Aulas e Corridas 2017/2018
Horário Aulas e Corridas 2017/2018

Mensagens populares

Compra os melhores suplementos com o melhor desconto

Compra os melhores suplementos com o melhor desconto
Ao finalizares a Encomenda Insere o código RUNCROSSTRAIL para teres até 15% de desconto na loja Prozis: http://www.prozis.com/NyS Encomenda já hoje !!

terça-feira, 31 de maio de 2016

Porque é importante um atleta de Trail running correr na estrada

Corrida Estrada - Nuno Gonçalves e Daniel Baptista

Porque é importante um atleta de Trail running correr na estrada

A Corrida em Trilhos (Trail Running) e a Corrida em Estrada oferece duas experiências diferentes e, uma grande parte dos melhores atletas a nível mundial no Trail Running, não dispensa as provas e os treinos em Estrada. Sim, porque quem quer correr rápido nos trilhos também tem que conseguir correr rápido em estrada, no entanto, não é necessário ser um atleta de topo neste tipo de piso para ser um excelente Trail Runner... apesar de ser extremamente importante o treino específico na montanha, com subidas e descidas a pique, correr em superfícies e terrenos irregulares, treinando assim a força, a propriocepção, o equilíbrio, a coordenação... também é extremamente importante incluir nos treinos semanais os treinos em estrada ou em Pista, e fazer uma ou outra prova de estrada de vez em quando para medirmos a nossa evolução no alcatrão, já que, no Trail Running e, devido ao facto de ano para ano, a maior parte dos percursos ser completamente diferente, essa "medição" não ser possível... pois, enquanto numa prova de estrada, uma média de 5 minutos ao quilómetro, não será nada de especial, no Trail running uma média assim, poderá ser digna de um super-atleta, dependendo muito do grau de dificuldade do percurso. Portanto, aqui seguem um conjunto de razões importantes porque todos os Trail Runners que querem andar mais rápido nos trilhos, deverão fazer corrida em estrada:

- O treino em Estrada ou em Pista permite que nos foquemos apenas na velocidade: Se quisermos treinar a velocidade e a cadência rápida de pernas, acabamos por não o fazer a 100% num percurso acidentado, pois a surpresa de cada passo no Trail Running, é uma constante, obrigando-nos a "olhar" para cada passo que damos... no entanto, no treino em estrada, o foco na velocidade será a 100%, pois o percurso não exige um elevado grau de atenção;

- Uma Prova de Estrada é uma excelente forma de Medição da Evolução: se, no Trail Running, devido à alteração do percurso de ano para ano na maior parte das provas, não será fácil medirmos a evolução dum ano para o outro, nas provas de estrada isso já não acontece, permitindo-nos assim verificar se a nossa velocidade média melhorou num determinado percurso;

- O Treino em Estrada ou Pista permite-nos correr mais rápido em plano: quem faz provas de Trail Running regulares, sabe que é raro o Trail em que não encontramos percursos planos em estrada e, estradões, sendo muitas provas decididas neste tipo de piso... um dos exemplos flagrantes em que isso acontece são os denominados "Urban Trails", logo, se não formos rápidos o suficiente em plano de forma a manter um velocidade rápida de forma constante, as subidas e descidas poderão não ser suficientes para fazer a diferença;

- Uma Competição de Estrada permite treinar com uma pulsação elevada e constante durante a totalidade da prova: quem pratica Trail Running sabe que uma competição desta modalidade, é algo que tem muitos "picos" de frequência cardíaca, pois tanto atingimos quase a frequência cardíaca máxima no final duma subida, como vamos com uma pulsação muito baixa em zona muito técnicas por exemplo e, onde somos "obrigados" a reduzir o ritmo. Uma prova de estrada é excelente para aumentar a Capacidade Aeróbia (início e meio da prova...) e a Capacidade Anaeróbia (geralmente treinamos esta capacidade na parte final das provas)... importante referir que há atletas, que por começarem demasiado rápido as provas, acabam por ultrapassar o limite anaeróbio nos primeiros quilómetros de prova, acabando por acumular ácido láctico muito cedo e comprometendo assim o resto da prova...

- Maximizar a performance em todo o tipo de superfícies: Numa prova de Trail Running o piso acaba por ser mais macio e absorve muito mais o impacto do que se treinarmos em estrada, no entanto, é extremamente importante maximizar o rendimento em todo o tipo de superfícies. O treino em estrada permite um trabalho diferente dos músculos e tendões, permitindo desta forma não os sobrecarregar sempre com os mesmos movimentos e vice-versa... para além de fortalecer e preparar os músculos e tendões para um impacto maior, minimiza assim também o risco de lesões e prepara-os para correr em superfícies mais duras!!!

Apesar de muitas vantagens, deveremos privilegiar a superfície de treino que mais se adequa aos nossos objectivos... se o objectivo é o Trail Running não faz sentido treinar 5 vezes por semana em estrada e 2 vezes por semana em trilhos e, vice-versa... O importante, é que haja variabilidade de pisos para não sobrecarregar sempre os mesmo músculos, tendões e articulações e, utilizar cada um dos pisos para potenciar ao máximo as nossas capacidades!!!